Como a tecnologia 5G está afetando o ramo da indústria

Como a tecnologia 5G está afetando o ramo da indústria
Como a tecnologia está impactando a indústria
31 de março de 2020
Como a tecnologia 5G está afetando o ramo da indústria
Governo anuncia atraso de 60 dias de ajuste Remédios
1 de abril de 2020

Como a tecnologia 5G está afetando o ramo da indústria

Como a tecnologia 5G está afetando o ramo da indústria

5G network with downtown Los Angeles at night

Como a tecnologia 5G está afetando o ramo da indústria


tecnologia 5G é um novo padrão para dispositivos móveis que trarão mudanças quantitativas e qualitativas em como usar esses dispositivos, permitindo que novos recursos e um aumento significativo no número e na velocidade das conexões.

4G padrão sucessor começa a ser adotado este ano em alguns países. No Brasil, o governo vai realizar um leilão para selecionar os operadores que serão responsáveis ​​por oferecer serviços de conectividade usando esta tecnologia e onde agir.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) abriu uma consulta pública para receber contribuições para os cadernos de encargos das faixas de frequências para a prestação de serviços móveis baseados em 5G. Estará aberto para comentários até 17 de Abril.


A Agência explicou que o Brasil é a tecnologia 5G e que tipo de mudanças que pode trazer para os usuários, instituições, empresas e indústria de telecomunicações como um todo.

Qual é a tecnologia 5G?


De acordo com a União Internacional de Telecomunicações, 5G, ou de telefonia móvel quinta geração é uma nova tecnologia para redes de transporte de dados relacionados a dispositivos móveis. Isso acontece com as gerações anteriores, mas funcionários e especialistas dizem que não apenas melhorias incrementais, mas qualitativa.

Embora a tecnologia 1G teve que 2kbit / s velocidade e garantia de tráfego 4G de 1 Gbit / s, 5G acelerar o download de informações até 100 a 1 Gbit / s. Enquanto latência (diferença na transmissão de dados de resposta) foi 60-98 milissegundos 4G, 5G vai ser reduzida para menos do que um milésimo de segundo.

Tendo a capacidade de dispositivos de conexão pode compreender até 1 milhão de receptores por quilómetro quadrado.

Quais são as características desta tecnologia?


5G é um passo para a frente em relação aos padrões anteriores em vários aspectos: Permite mais dispositivos conectados, é necessário dado o crescimento da "Internet das coisas" com o crescimento de comunicação máquina a máquina;

Aumente a velocidade de conexão, permitindo que o consumo de serviços mais complexos mais facilmente, como transferência de arquivos, comunicações em tempo real, o consumo de vídeo e arquivos de áudio em tempo real (streaming) ou jogos eletrônicos;

Diminuição da resposta de conexão (latência), melhorando e contribuindo para dispositivos móveis têm uma conexão que permite aplicações em tempo real que requerem ou troca de informações de forma rápida;

Eles têm uma largura de banda maior, que é importante, tendo em conta o aumento da informação que é publicado e divulgado na Internet, você está criando melhoria mais conteúdo ou a qualidade, ea criação de áudio ou vídeo;

De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC), o 5G é mais do que apenas uma melhoria das gerações anteriores. "As redes de telefonia móvel 5G fornecer banda larga móvel avançado, com maiores taxas de dados, menor latência e maior capacidade, um tremendo potencial permite valor adicionado novos serviços sem fios", diz o documento sobre a tecnologia estratégia brasileira, colocado em consulta pública no ano passado.

Quais são os benefícios que eles podem trazer 5G?


A União Internacional de Telecomunicações (UIT), em um artigo sobre o assunto, argumenta que a 5G pode ajudar as pessoas os benefícios de uma "economia digital intensivo e dados avançados" que contribuem para a implementação das chamadas "cidades inteligentes" e permitir um aumento na experiência on-line para novas aplicações e apoiará as velocidades mais altas.

"O 5G oferece uma oportunidade para os operadores, além de oferecer serviços de conexão, desenvolvimento de soluções e serviços ricos para os consumidores e indústrias em uma ampla lista de serviços, e por um movimento custo acessível", ITU afirmado em "Definir o cenário para 5G : oportunidades e desafios ", disse.

5G pode suportar vários tipos de aplicações benéficas. Variando a partir de sistemas de pagamento para a viabilidade do veículo autónoma (que operam sem condutor), bem como outras soluções de Internet de coisas envolvendo sensores e de controlo em fábricas ou sem serviços públicos (tais como controladores pólos de consumo de água ou lâmpadas).

No MCTIC avaliar a tecnologia poderia também contribuir para a produção. "O 5G irá ser um componente chave para aumentar a troca de enxaguamento de dados entre máquinas, plantas, seres humanos e robôs, que vai permitir o desenvolvimento de uma logística inteligente, a comunicação de sistemas de produção ligado Cyber-físico e máquina de máquina. A combinação destes e outras tecnologias digitais no sector secundário permite que a indústria antecedência conhecida como indústria 4.0 '', diz a agência no documento de consulta pública sobre a estratégia para o 5G, realizada no ano passado.

Quais são as perspectivas para esta nova tecnologia?


De acordo com a associação global de empresas que atuam no segmento móvel, GSMA, a expectativa é que em 2025 há 1,2 bilhões de conexões 5G do mundo. Em alguns países já adoptou, como nos Estados Unidos, Austrália, China, Finlândia, Reino Unido, Coreia do Sul e Áustria.

De acordo com um estudo da GSA, as operadoras investem em 5G, 42% são da Europa, 23% são da Ásia, 11% são do Oriente Médio, 8% são da América Latina e do Caribe, 7% são da América do Norte, 5% são Oceania e 4% são da África.

Quando o 5G será implantado no Brasil?


Não há nenhuma determinada data. necessidades da Anatel para completar a consulta pública e definir a escrita, para as empresas interessadas na prestação do serviço pode se inscrever para a disputa. A previsão já pelas autoridades indicam que o leilão no final de 2020. No final do evento, as empresas terão as faixas de frequência para explorar serviços de base tecnológica, e vai-lhes lançar esses serviços.


Fonte, agenciabrasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: