Depois que os jornais diminuem a cobertura em Alvorada devido à falta de segurança, a GSI diz que já tomou “medidas suficientes”

Depois que os jornais diminuem a cobertura em Alvorada devido à falta de segurança, a GSI diz que já tomou "medidas suficientes"
MEI: 59% dos microempreendedores não pagaram DAS
27 de maio de 2020
Depois que os jornais diminuem a cobertura em Alvorada devido à falta de segurança, a GSI diz que já tomou "medidas suficientes"
Aras avalia transferência de análise de interferência no PF para o Congresso
27 de maio de 2020

Depois que os jornais diminuem a cobertura em Alvorada devido à falta de segurança, a GSI diz que já tomou “medidas suficientes”

Depois que os jornais diminuem a cobertura em Alvorada devido à falta de segurança, a GSI diz que já tomou "medidas suficientes"

Depois que os jornais diminuem a cobertura em Alvorada devido à falta de segurança, a GSI diz que já tomou “medidas suficientes”

O Escritório de Segurança Institucional (GSI) emitiu uma nota na terça-feira dizendo que já tomou “medidas necessárias e suficientes” para garantir a segurança dos jornalistas que trabalham no Palácio da Alvorada e que “criou as melhores condições possíveis”. A nota foi publicada depois que vários meios de comunicação, incluindo o Grupo Globo, decidiram parar de trabalhar no site, considerando que não havia garantia de segurança.

1 de 1 Seguidores amaldiçoam jornalistas que cobrem a saída do presidente do Palácio da Alvorada diariamente – Foto: Jorge William / Agência O Globo Seguidores amaldiçoam jornalistas que cobrem a partida do presidente do Palácio da Alvorada diariamente – Foto: Jorge William / Agência O Globo

Na nota, o GSI cita quatro medidas: separação física, por meio de barras, de áreas destinadas ao público em geral e a repórteres; registro e inspeção de todos os presentes, incluindo a passagem por um detector de metais; orientações sobre o uso de equipamentos de proteção individual (EPI) e manutenção a distância; e designação de pessoal de segurança “consistente com o público presente”.

A “separação física” mencionada pelo GSI, no entanto, ocorre apenas onde há contato com o presidente Jair Bolsonaro. Entrada e saída são comuns a ambos os grupos, facilitando as hostilidades. Recentemente, por exemplo, uma pessoa tentou entrar na área reservada a jornalistas e teve que ser detida por um segurança.

As medidas adotadas até o momento não foram suficientes para impedir os constantes crimes de apoiadores. Na segunda-feira, por exemplo, depois que Bolsonaro deixou Alvorada, um grupo começou a xingar jornalistas da rede que separa apoiadores de profissionais da mídia. A segurança não agiu até poucos minutos depois, dispersando os apoiadores.

Além disso, embora o GSI diga que recomenda o distanciamento, há multidões diárias entre os apoiadores do presidente, sem qualquer reprimenda.

Na nota, o ministério afirmou que “algumas medidas mais restritivas não são mais tomadas, sem graves danos à segurança, em resposta a solicitações de membros da imprensa, que viram, nessas medidas, obstáculos ao exercício de suas atividades de trabalho” . No entanto, o GSI não indicou que medidas não foram tomadas e quem fez a solicitação.

“O GSI entende e respeita os princípios de liberdade de expressão garantidos pela legislação vigente. Por isso, criou as melhores condições possíveis para o trabalho dos profissionais da imprensa e, também, um espaço reservado aos apoiadores do Presidente. Continuaremos aprimorando este dispositivo. , para que o local permaneça em condições de atender às expectativas de trabalho e à livre expressão dos diferentes públicos que diariamente frequentam o Palácio da Alvorada “, conclui o texto.

O Grupo Globo decidiu na segunda-feira que seus jornalistas não cobrirão mais o site por falta de segurança. A medida também foi adotada por outros veículos, como a Folha de São Paulo e a TV Bandeirantes.

fonte: https://valor.globo.com/brasil/noticia/2020/05/26/apos-jornais-deixarem-cobertura-no-alvorada-por-falta-de-seguranca-gsi-diz-que-ja-tomou-medidas-suficientes.ghtml

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: