Coronavírus: MG tem um número recorde de casos em um dia; existem 554 novos, 23 a cada 1 hora

Coronavírus: MG tem um número recorde de casos em um dia; existem 554 novos, 23 a cada 1 hora
Supremo considera a visita surpresa de Bolsonaro a Aras como um ato de pressão
26 de maio de 2020
Coronavírus: MG tem um número recorde de casos em um dia; existem 554 novos, 23 a cada 1 hora
A operação da PF em Witzel foi motivada por um contrato entre a primeira-dama e a operadora de Mário Peixoto
26 de maio de 2020

Coronavírus: MG tem um número recorde de casos em um dia; existem 554 novos, 23 a cada 1 hora

Coronavírus: MG tem um número recorde de casos em um dia; existem 554 novos, 23 a cada 1 hora

Coronavírus: MG tem um número recorde de casos em um dia; existem 554 novos, 23 a cada 1 hora

Coronavírus: MG tem um número recorde de casos em um dia; existem 554 novos, 23 a cada 1 hora

O saldo da SES-MG mostra que o vírus se espalhou para cerca de 400 municípios do estado, o que representa quase metade dos existentes; já existem mais de 7.500 casos

Nesta terça-feira (26), Minas Gerais quebrou outro triste registro da pandemia de coronavírus: o maior número de casos registrados desde o dia anterior. Entre segunda-feira (25) e esta manhã, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MG) confirmou a existência de novos 554 diagnósticos positivos para o Covid-19, uma média de 23 casos por hora. Atualmente, 7.516 mineiros estão infectados com o vírus desde março, 6.962 na segunda-feira. A pasta estima que o pico da doença no estado ocorrerá em 10 de junho, em pouco mais de duas semanas.

O número de mortes também aumentou, de acordo com o relatório da agência divulgado terça-feira. Duzentas e trinta e quatro pessoas morreram na região após serem infectadas com o coronavírus, e a maioria das mortes foi concentrada em Belo Horizonte. Quatro novas mortes foram confirmadas nas últimas 24 horas, uma na capital de Minas Gerais, que já perdeu 43 moradores para o Covid-19.

O processo de internalização da pandemia ocorre de forma acelerada em Minas Gerais. Dos 853 municípios do estado, há casos de coronavírus em pelo menos 397; os números indicados pelas secretarias municipais de saúde levam alguns dias para serem contados pela carteira estadual.

Podcast da entrevista no Tempo Skill: Enquete revela poder de canais falsos de notícias sobre coronavírus no YouTube

Há também certa lentidão na confirmação de óbitos, que, segundo a própria Saúde, têm até 60 dias para contar no sistema do Ministério da Saúde. Já foram registrados óbitos por coronavírus em 96 municípios de Minas Gerais.

Uberlândia e Juiz de Fora

Depois de Belo Horizonte, as cidades de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, e Juiz de Fora, na Zona da Mata, apresentam o maior número de casos e óbitos pela doença. A segunda maior concentração de casos em Minas Gerais é em Uberlândia, com 601 até terça-feira, na capital mineira, 1.491 diagnósticos foram confirmados. Houve 15 mortes por doença no município.

Juiz de Fora, até a semana passada, teve o segundo maior número de casos, mas agora é a terceira cidade nessa condição. Existem 519 diagnósticos positivos para Covid-19 e 26 mortes causadas pela infecção, o segundo maior número no estado, pois existem 43 mortes em BH.

Quatro mortes

Entre segunda e terça-feira, a pasta confirmou mais quatro mortes em quatro municípios diferentes em Minas Gerais devido ao coronavírus. A morte mais antiga ocorreu em Pirapora, no dia 20 de maio, e ela é uma mulher de 90 anos. As outras três mortes ocorreram em Uberlândia, Materlândia, no Rio Doce e Belo Horizonte, com pacientes entre 48 e 80 anos. As mortes em Materlândia e Pirapora são as primeiras a ocorrer nesses municípios com Covid-19 como causa. O município de Rio Doce nem sequer teve um caso de coronavírus até a morte ser confirmada.

fonte: https://www.otempo.com.br/cidades/coronavirus-mg-tem-recorde-de-casos-em-um-dia-sao-554-novos-23-a-cada-1-hora-1.2342072

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: