A polícia não ajudou o garoto afetado pelo spray de pimenta em uma demonstração

A polícia não ajudou o garoto afetado pelo spray de pimenta em uma demonstração
Mesmo com 4 pedidos, a acusação de Helder Barbalho pode estar longe de se tornar realidade
23 de junho de 2020
A polícia não ajudou o garoto afetado pelo spray de pimenta em uma demonstração
O brasileiro confia em Bolsonaro mais do que Bonner, de acordo com uma investigação
23 de junho de 2020

A polícia não ajudou o garoto afetado pelo spray de pimenta em uma demonstração

A polícia não ajudou o garoto afetado pelo spray de pimenta em uma demonstração

A polícia não ajudou o garoto afetado pelo spray de pimenta em uma demonstração

🔊 Clique para ouvir ou importar

Um garoto de apenas cinco anos de idade foi atingido por spray de pimenta durante protestos pacíficos de patriotas neste domingo (21).

O vídeo foi publicado por Teff Ferrari em suas redes sociais. “Eles pulverizaram uma criança com spray de pimenta. Esta é a polícia que executa as ordens criminais do governador em Brasília ”, relatou a estação de rádio Shock Wave.

O garoto não recebeu nenhuma ajuda da polícia e foi resgatado pelos próprios manifestantes. Sabe-se que muitas famílias com crianças participam de manifestações patrióticas, além dos idosos.

O site de Estudos Nacionais entrou em contato com a mãe do menino. Segundo ela, o garoto estava segurando uma placa com a frase “Supremo é o povo” e o direcionou para um drone que estava sobrevoando quando foi atacado por um policial.

A mãe também informou que não houve provocação ou ato que justificasse a ação policial. “Nenhum grupo provocou o primeiro ministro. Ele estava andando com um cinto muito gigante e foi esticar um cinto grande na frente das pessoas. Os grupos não fizeram isso [provocaram a polícia]. Os grupos não provocaram a polícia. Meu filho se divertia com o drone. Eu estava mostrando o pôster para o drone ”, repetiu a mãe ao National Studies.

Ação vergonhosa

Conforme a Free Tuesday informou, a ação policial foi vergonhosa na manifestação deste domingo e a própria polícia assume isso em um áudio supostamente vazado de um agente de segurança pública. (Escute aqui).

Ações recentes das autoridades sugerem medidas contra a liberdade de expressão e levantam suspeitas sobre o uso indevido das forças policiais para oprimir a sociedade.

Grupos realmente violentos como Antifas não sofreram nenhum tipo de perseguição e a mídia os classificou como “democráticos”, mesmo com manifestações explícitas e repetitivas de violência.

fonte: https://www.tercalivre.com.br/policia-nao-prestou-socorro-a-crianca-atingida-por-spray-de-pimenta-em-manifestacao/

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: